De que lado veio esse som?


Uma das principais queixas de quem tem perda auditiva (mesmo aquelas de grau leve), é acompanhar o diálogo em ambientes ruidosos e a capacidade reduzida de localização sonora (saber de que lado veio o som). A localização facilita a identificação de onde o som está vindo, além de melhorar o senso de orientação espacial.

Pacientes relatam situações como: a esposa/marido chamou dentro de casa e não soube identificar de qual lado veio o som; dentro do carro não saber de onde veio a buzina; estar andando na rua ou dentro de um local grande e não saber de onde foi chamado etc.

A orientação espacial nos permite focar no interlocutor, ouvir e vivenciar o som de uma maneira mais natural, melhorando, de modo geral, a qualidade de vida. Voltar-se ao interlocutor durante um diálogo, não é apenas uma atitude socialmente adequada, mas também um fator reconhecido por potencializar a eficiência da comunicação.

Sem a localização, é difícil saber para quem você deve olhar, ou se tem alguém falando com você em certo momento. A habilidade de localização pode estar prejudicada não só em casos em que o paciente possui algum grau de perda auditiva, mas também em indivíduos com audição normal.

Sendo assim, é necessária uma avaliação auditiva e do processamento cerebral com um fonoaudiólogo, para identificar essa disfunção. Em casos de perda de audição, ao fazer uso do aparelho auditivo, o indivíduo melhora, significativamente, a habilidade de localização sonora.

Os aparelhos auditivos fornecem amplificação sonora e integração binaural, proporcionando melhor audibilidade e consequentemente, a possibilidade da melhora na capacidade de localização.

Os aparelhos auditivos Phonak estão dando grandes saltos na tecnologia, permitindo cada vez mais uma audição eficiente e mais natural. Entre em contato com um de nossos fonoaudiólogos e veja como podemos auxilia-lo para melhorar a sua qualidade de vida.



Mais de Centro Auditivo Viver