Coceira no Ouvido? Aprenda hoje como resolver esse problema


 

Coceira nos ouvidos pode ser um problema bastante desconfortável, porém, para cada tipo de causa existe um cuidado necessário. Colírios, antibióticos e seringas, por exemplo, são opções de tratamento para essa adversidade.

No decorrer desse texto, iremos apresentar as causas dessa sensação irritante para que você saiba o momento exato de buscar auxílio profissional.

 

Cinco causas da coceira no ouvido

Infecções de ouvido

A coceira no ouvido pode ser sinal de infecção. Um resfriado, uma gripe ou até o acúmulo de água no canal auditivo podem contribuir para uma infecção auditiva.

Nesses casos é necessário a intervenção médica para lidar esses problemas. Isso porque a infecção deve ser tratada exclusivamente com remédios que combatem os agentes causadores.

Orelhas secas

A cera e o óleo produzido pelo organismo auxiliam na limpeza e na saúde auditiva. Dessa forma, exagerar na limpeza dos canais prejudica essa produção natural e, consequentemente, causa o ressecamento.

Além disso, existem pessoas que não conseguem produzir a quantidade mínima de cera e óleo, e isso também acarreta no ressecamento auricular. Nessas situações é comum apresentar pequenos pedaços de pele seca ao redor da orelha.

Portanto, se você tem o costume de fazer limpezas no ouvido, comece a evitar essa prática e a coceira desaparecerá.

Agora, se você possui essa baixa produção de fluidos, a qual impede a hidratação natural do canal auditivo, procure um especialista para que ele receite o tratamento específico para seu caso.

 

Alergias

Soja, peixes, frutos do mar, trigo, nozes e leite podem causar reações alérgicas em algumas pessoas. E, alguns dos efeitos colaterais dessa reação, é a coceira no rosto e no ouvido.

Além deles, outros alimentos como a avelã, semente de girassol, amêndoa e até frutas como a maçã, melões, kiwi, cereja e a banana também podem ser responsáveis por um tipo de reação alérgica: a síndrome da alergia oral – alergia relacionada ao contato com o pólen e que costuma causar coceira na boca e ouvido.

Entretanto não são só alimentos que causam alergias. Componentes químicos como perfumes, produtos de limpeza e outro aromas podem causar essa sensação.

Portanto faça check ups periódicos para conhecer seu corpo e, assim, evitar o contato com alimentos e componentes que provocam reações alérgicas em você.

Bloqueio de cera

A cera produzida pelo ouvido serve para, além de não deixar o ouvido seco, retirar bactérias, vírus, detritos e células mortas para fora do corpo. Porém o acúmulo de cera pode bloquear o canal auditivo.

Esse bloqueio, ocasionado tanto pela produção excessiva quanto pela inserção de um objeto estranho no canal, leva à coceira.

Portanto, se você estiver com o ouvido entupido, procure um otorrinolaringologista para que ele possa fazer a limpeza sem prejudicar sua saúde auditiva.

Aparelhos auditivos

O uso de aparelhos auditivos mal ajustados também pode ser um causador das coceiras nos ouvidos.
O material do aparelho, a pressão exercida por ele ou até uma pequena quantidade de água presa pode causar a coceira. Mas você não precisa se preocupar, basta procurar o especialista responsável pelo aparelho e realizar um ajuste.

 

Estou com coceira no ouvido, posso coçar?

Caso você sinta coceira no ouvido, não utilize objetos como cotonetes, grampos ou algum tipo de líquido não farmacêutico, pois eles poderão ferir a fina camada da membrana timpânica podendo acarretar até em seu rompimento.

Se a coceira persistir e/ou vier acompanhada de secreções, não exite em procurar um especialista. Afinal, apenas ele poderá fornecer as orientações para o tratamento ideal.

Assim, caso você apresente quadros alérgicos ou de infecção, o uso de remédios prescritos pelos médicos serão os únicos responsáveis por aliviar a coceira.

Consequências em coçar o ouvido

Como já citamos, dentro do ouvido existe uma camada de cerume (cera). Portanto, ao coçá-lo, você pode causar o entupimento do canal auditivo e até gerar infecções auriculares.

Além disso, coçar o ouvido também pode levar ao rompimento do tímpano. Ou seja, rasgar o tecido que separa o canal auditivo do ouvido médio, o que pode levar até à perda auditiva temporária.

Como prevenir coceira no ouvido?

 

Primeiramente, mantenha consultas regulares com o médico para check-ups que ajudarão a prevenir as infecções e coceira.

Jamais utilize objetos como grampos, clipes de papel, bolas de algodão, cotonetes ou qualquer outro método caseiro de limpeza do ouvido, pois podem causar complicações.

Controlar a quantidade de cera no ouvido por meio de colírios e seringas devidamente aprovadas pelo médico, proteger o ouvido ao nadar e usar joias antialérgicas também poderão ajudar a evitar infecções que levarão a coceira no ouvido.

Portanto agora que você já sabe como solucionar a sua coceira no ouvido, compartilhe o nosso artigo em suas redes sociais para disseminar esse conhecimento!



Mais de Centro Auditivo Viver